Jornalismo

Proposta do curso

Curso de Bacharelado em Jornalismo do Centro Universitário Inta (UNINTA) tem a preocupação de inserir seus estudantes em campos específicos do saber, propiciando a interdisciplinaridade e a articulação entre teoria e prática a partir de experiências nas disciplinas, que proporcionarão ao estudante uma visão global do conhecimento. O ensino em nossa Proposta Política Pedagógica é compreendido como o espaço da produção do conhecimento, por meio da investigação, onde os acadêmicos constroem, de forma colaborativa e autônoma, o processo de formação para que se possam compreender as relações sociais e os movimentos de diferentes realidades e, se possível e necessário, transformar tais realidades, buscando uma formação que articula Ensino, Pesquisa, Extensão e Responsabilidade Social.

Áreas de atuação

O profissional pode atuar em vários campos da comunicação, como jornais, revistas impressos e online, rádio, televisão, assessoria de imprensa, fotojornalismo, e com os novos artefatos tecnológicos como mídia social e blogueiros, dentre outros.

Mercado de trabalho

Para retratar os pequenos e grandes fatos do dia a dia, os jornalistas se dividem em diversas tarefas. Aqueles que optam por trabalhar em redações impressas ou de internet tem entre as tarefas mais comuns a de repórter, que busca as histórias e vai a campo apurar as informações, e a de editor, que decide como todas as reportagens da equipe serão expostas no veículo. Na televisão e no rádio, existe ainda a função de produtor, o profissional que propõe uma pauta e a produz, deixando o repórter encarregado do trabalho de ir a campo.
Cada editoria do veículo, como de noticiário político, internacional e de economia, conta com uma equipe de repórteres e um editor, que pode contar com editores assistentes para finalizar a criação das páginas. Na TV, os repórteres saem às ruas com os cinegrafistas e os técnicos de iluminação e som para garantir a captação das melhores imagens. Os veículos ainda têm equipes dedicadas à produção e edição de fotografias e profissionais de desenho e programação, que cria os infográficos, as tabelas e artes que ajudam a explicar os fatos aos leitores. Acima de toda a equipe estão o editor-chefe e o editor-executivo, responsáveis por manter a coesão do conteúdo e da linha editorial.
Muitos jornalistas também optam por seguir carreira como assessores de imprensa, profissionais que podem atuar tanto dentro da instituição em que trabalham, no departamento da comunicação, quanto em agências contratadas para prestar esse serviço a empresas e ONGs. Além de atender aos pedidos da imprensa, é função da assessoria sugerir pautas aos repórteres e aconselhar a direção das instituições sobre estratégias de comunicação e exposição na mídia, incluindo o ‘media training’, treinamento para que os porta-vozes da empresa utilizem as mesmas técnicas dos profissionais de televisão ao dar entrevistas, como linguagem corporal e uso da voz.

Mais informações

Curso:

Jornalismo

Área:

Ciências Sociais Aplicadas

Pré-requisitos:

Ensino Médio Completo

Início previsto:

Imediato

Duração:

08 semestres

Certificado:

Bacharel com 3330 horas/aulas

Coordenação:

[email protected]

Quer saber mais?

Deixe seus dados e entraremos em contato para esclarecer suas dúvidas:

Vamos falar pelo WhatsApp?

Estamos aqui para te ajudar, preencha o formulário abaixo e falaremos em seguida!

Matriz Curricular

Clique sobre o semestre desejado para verificar o conteúdo